top of page

Adolescente é investigado por criar vaquinha falsa de doações ao RS

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul está investigando um adolescente de 16 anos por golpes envolvendo vaquinhas virtuais falsas, supostamente destinadas às vítimas das enchentes. O desastre resultou em 169 mortos, 56 desaparecidos e 806 feridos até o último domingo (26). A polícia investiga uma série de golpes utilizando tecnologias, arrecadações coletivas e apropriação de doações, conforme mostrado pelo programa Fantástico.

Na última sexta-feira (24), a polícia cumpriu um mandado de busca e apreensão em Balneário Camboriú, Santa Catarina. O adolescente, que desviava o dinheiro das vaquinhas, morava em uma cobertura de luxo alugada por R$ 30 mil. “O nosso investigado refere que há uma movimentação tranquila de R$ 2 milhões por dia vinculados a esses golpes em todo o Brasil”, revelou o delegado Eibert Moreira.

O adolescente não foi preso, mas a polícia identificou que ele também gerenciava sites falsos, oferecendo produtos a preços abaixo do mercado, que nunca eram entregues aos consumidores. Além do adolescente, outras duas pessoas estão sendo investigadas por estelionato e lavagem de dinheiro.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page