top of page

Reajuste em plano da Unimed assusta servidores em Fernandópolis

Servidores da Prefeitura de Fernandópolis levaram susto nesta terça-feira, dia 4, após acessarem o holerite. A Unimed, detentora de plano de saúde em coparticipação com a gestão, reajustou o plano em cerca de 40%.

O percentual não havia sido anunciado anteriormente, somente uma mensagem de que o plano seria reajustado em 1º de maio de 2024.

Para alguns servidores, o cancelamento do plano é inevitável e a migração para outro seria a solução para sair do "abuso" praticado pela Unimed.

O reajuste "desordenado" pegou todos de surpresa e alguns servidores já anunciaram que não estão de acordo com o reajuste.

A carteira de clientes da Unimed de Fernandópolis foi vendida para a Unimed de Só José do Rio Preto que também incorporou a franquia de Votuporanga, que poderia ter sido a causa do aumento.

Uma funcionária disse a reportagem que pagava cerca de R$ 700 reais mensais. Com o reajuste o plano subiu para R$ 1.100.

Outra servidora comparou o valor descontado no holerite em maio que foi de R$ 353 reais, enquanto em junho o valor foi R$ 509.

Até o momento ninguém explicou o motivo do reajuste desordenado.

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page